Ún1ca Filha - Anna Snoekstra

terça-feira, 5 de dezembro de 2017
Ano: 2017

Páginas: 256
Editora: HarperCollins Brasil

Sinopse: Em 2003, uma adolescente de 16 anos desapareceu. Rebecca Winter estava curtindo suas férias de verão. Trabalhava em uma lanchonete, tinha uma queda por um rapaz mais velho e saía com sua melhor amiga. Mas coisas estranhas surgiam ao seu redor: ela encontrou sangue em sua cama, passou a ter surtos de amnésia, sentia-se vigiada. Ainda assim, nada disso preparou Rebecca Winter para o que estava prestes a acontecer. 
Onze anos depois, a garota desaparecida foi substituída. 
Para fugir da prisão, uma jovem mulher declara ser a adolescente desaparecida anos atrás. A impostora assume a vida de Rebecca Winter. Dorme em sua cama. Abraça seu pai e sua mãe. Aprende os nomes de suas melhores amigas. Brinca com seus irmãos. Mas a família e os amigos de Rebecca não são quem dizem ser. Enquanto se esquiva do detetive que investiga o desaparecimento de Rebecca, ela começa a se dar conta de que o criminoso ainda está à solta – e ela, correndo risco de vida.

Esse foi um daqueles livros que estava na minha wishlist há tempos, mas não tinha a oportunidade de ler. Até que minha mãe me deu de presente e eu pude ouvir “agora vai” em minha mente. Como eu adoro thrillers psicológicos, tinha certeza que iria perder algumas horas de sono com essa leitura.

Sem falar que depois de tanto tempo querendo esse livro, já nem me lembrava direito sobre o que se tratava. Por isso, reler a contracapa me deixou ainda mais animada e querendo conhecer mais sobre Rebecca. Porque vamos combinar, a premissa é sensacional! Mas será que o livro atingiu todas as expectativas?

Rebecca Winter é uma jovem que desapareceu há 11 anos atrás.
Ao ver uma matéria na televisão sobre o caso, uma jovem muito parecida com Rebecca resolve tomar o seu lugar para fugir da polícia. A ideia parecia perfeita: ela teria um novo lar, uma nova família e seria uma nova pessoa. Alguém melhor. Porém, o detetive que esteve por tantos anos procurando Rebecca, não a deixa em paz. Sempre investigando e tentando descobrir o que aconteceu com a garota.


Ao mesmo tempo em que temos a visão dessa jovem – a qual não sabemos o nome verdadeiro –, Rebecca Winter nos conta o que aconteceu anos atrás. Sua convivência com a família, os amigos e deixando aberta várias possibilidades para o que pode ter acontecido com ela.

O que a nova Rebecca não sabe é que o que aconteceu com a verdadeira Bec pode se repetir e ela corre o mesmo risco que a outra garota correu tantos anos atrás. Será que vale a pena o risco?
“O impulso para deixar a vida de Bec é forte agora. Alguém está me perseguindo. Posso ser morta. Mas não posso fugir. Preciso ficar. Devo isso a Bec. Apenas um dia a mais. Mesmo que isso signifique ser pega.”

Esse é um livro relativamente curto e que qualquer coisa que eu disser pode estragar o suspense para vocês. Por isso, um resumo tão resumo haha Peço desculpas por isso, mas não pretendo dar nenhum spoiler para vocês! O que eu posso dizer é: raso, rápido e não me convenceu.

Mas calma, vamos por pontos.
Existem pontos positivos nesse livro, como a ideia do livro. Tenho certeza que muitos se sentem atraídos pela capa e pela ótima trama que nos é oferecida. Eu fui uma dessas! E para ser justa, eu não desconfiei do culpado em momento algum. Fui surpreendida e isso me fez não dar uma nota tão péssima para o livro. Afinal, enganar leitores treinados, não é tão fácil assim.

O problema foi no desenrolar da trama. Capítulos curtos e com poucas descrições podem ser bons e facilitar no ritmo da leitura, porém aqui isso fez muita diferença. Nada teve uma boa descrição ou uma boa explicação. Senti pontas demais serem deixadas ao longo do caminho e nenhuma pista de que seriam retomadas mais para frente.


O culpado foi ótimo, mas o final em si foi fraco e sem emoção. Quando eu pensei que o negócio pegaria fogo... Bom, levei um balde d’água muito rápido. Com a mesma rapidez em que os problemas começaram, eles foram resolvidos. Eu fiquei esperando que outras coisas acontecessem ou que os personagens tivessem um desfecho, não sei. Qualquer coisa que pontuasse a história de todos eles, mas infelizmente ele não veio.

Posso dizer que em diversas vezes me animei com o rumo que a trama pegava, mas no capítulo seguinte, já voltava a estaca zero. Acredito que se a autora tiver mais experiência, ela pode ser uma ótima escritora de suspense, mas por enquanto está em um nível muito inferior aos outros.


Quanto a diagramação não tenho do que reclamar. Fonte, espaçamento e tamanho da letra foram bem escolhidos. As páginas amareladas também deixam aquele toque final que eu tanto amo. Sem falar que a capa desse livro é linda, né?! <3

Ún1ca Filha é um livro rápido de ler, com uma trama sensacional, mas que deixa muitas pontas soltas. Me deixou curiosa em certos momentos, mas faltou aquele momento te prender a respiração e a explicação dos fatos. Faltou ser melhor elaborado! Poderia ser um dos melhores livros do ano, mas não passou de um livro distração.

Apesar de ter achado algumas falhas, ainda acho válida a leitura. Procurei algumas resenhas e muitas pessoas amaram o livro! Quem sabe você não é um dos que gosta, né? Não esqueçam de deixar o comentário me dizendo se já leram ou não! Beijinhos :)



Mari Zavisch
24 anos. Jornalista, amante de livros e fotografia. Harlan Coben é meu amorzinho literário e me apaixono por qualquer personagem de livros ♥
15 Comentários | BLOGGER
Comentários | FACEBOOK

15 comentários:

  1. Oi Mari!
    Eu não conhecia esse livro, mais achei bem interessante a premissa. Essa capa me lembrou Garota Perfeita, e até pensei que seria algo na mesma linha daquela série, porém, me surpreendi com a sua resenha e de com essa obra é maravilhosa.

    Em breve vou procurar em algumas livrarias, porque já está na minha wish list.

    Beijoss, Enjoy Books

    ResponderExcluir
  2. Eu li esse livro e curti bastante hein! Achei o final bem interessante. Amo esse gênero.

    Beijos
    http://orangelily.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Oiii Mari

    Esse livro tem uma premissa maravilhosa, pena que esse final foi frustrante e sem emoção, além dos outros probleminhas que vc andou tendo ao longo da história. De momento acho que vou deixar a dica passar, tem tantos outros thrillers que me chamam mais a atenção, mas quem sabe um dia...

    Beijos

    aliceandthebooks.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Fiquei bem curiosa com essa premissa, essa capa chama muito atenção, mas como não te surpreendeu tanto fiquei com um pé atrás, mas acho que vou dar uma chance pra ele e ver o que acho. Obrigada pela indicação, dica anotada.

    http://submersa-em-palavras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Olá, Mari!
    Eu geralmente adoro capítulos curtos, também acho que facilita no desenrolar, mas parece que não é com todo livro que isso pode acontecer...
    Esse livro está na minha wishlist, mas acho que vou deixar para lê-lo mais tarde, haha.

    Beijão
    Leitora Cretina

    ResponderExcluir
  6. Oi Mari,

    Pena que o livro deixou a desejar em certos pontos.
    A capa realmente é bem bonita e chama atenção.
    Adorei conhecer um pouco mais da história.
    Bjs
    http://diarioelivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  7. Oie
    Que pena que o livro não te convenceu. Isso acontece muito comigo leio um livro e não curto muito e vejo todo mundo gostando. Este não me chama atenção.

    Beijinhos
    https://diariodeincentivoaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Oi, Mari.
    Quando vi sua nota e li a sinopse, não entendi o que teria acontecido. Agora entendi perfeitamente, é tão ruim quando o autor nos entrega uma ótima trama mas se perde no desenvolvimento dela, fico muito frustrada com isso aff. Eu queria muito ler a obra mas perdi um pouco a vontade.
    Beijos
    http://www.leitoraencantada.com

    ResponderExcluir
  9. Mari, eu gosto de pegar um livro pequeno, às vezes, para fazer aquela leitura veloz e ficar me deliciando com os personagens.
    Mas, infelizmente, esse não me chamou a atenção.
    Quando encontro muitas pontas soltas na trama, acabo me desmotivando a dar continuidade.

    Abraços,
    Natalia
    http://www.revelandosentimentos.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Oi, Mari!
    Acho que suspenses desse tipo não rola ter livros curtos. Muito difícil um autor conseguir fazer isso acontecer.
    Bom, sorte minha que o livro nem estava na lsita de leitura hahahaha
    Beijos
    Balaio de Babados
    Participe do Natal Literário e ganhe prêmios maravilhosos

    ResponderExcluir
  11. Além de não ser um género que aprecie muito, não gosto quando a leitura não traz grandes explicações do que vai acontecendo... obrigado pela resenha e dica! =)

    MRS. MARGOT

    ResponderExcluir
  12. Carambaaaa, gostei da premissa. Gosto do gênero e que capaaaaa linda!!!!

    Beijoss
    Próxima Primavera

    ResponderExcluir
  13. Eu adoro esse gênero, e esse livro ta na minha listinha já faz um tempinho!
    Eu adorei a premissa e achei a capa arrasadora!

    beijinhos
    She is a Bookaholic

    ResponderExcluir
  14. Oi
    pena que achou a história rasa, pois a premissa parece ser muito boa, pena que o desenrolar dela não foi bom, muito ruim quando isso acontece, ainda mais quando esperamos algo a mais da história.

    momentocrivelli.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

 
© Galáxia dos desejos, VERSION: 02 - BLUE FLOREST - janeiro/2016. Todos os direitos reservados.
Criado por: Dear Maidy
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo