Lugares escuros – Gillian Flynn

segunda-feira, 8 de junho de 2015
Ano: 2015
Páginas: 352

Editora: Intrínseca

Sinopse: Libby Day tinha apenas sete anos quando testemunhou o brutal assassinato da mãe e das duas irmãs na fazenda da família. O acusado do crime foi seu irmão mais velho, que acabou condenado à prisão perpétua.
Desde aquele dia, Libby passou a viver sem rumo. Uma vida paralisada no tempo, sem amigos, família ou trabalho. Mas, vinte e quatro anos depois, quando é procurada por um grupo de pessoas convencidas da inocência de seu irmão, Libby começa a se fazer as perguntas que até então nunca ousara formular. Será que a voz que ouviu naquela noite era mesmo a do irmão? Ben era considerado um desajustado na pequena cidade em que viviam, mas ele seria mesmo capaz de matar? Existiria algum segredo por trás daqueles assassinatos?

Gillian Flynn intercala a trajetória detetivesca de Libby com flashbacks dos acontecimentos do dia dos crimes com tanta habilidade que o leitor é levado a diferentes direções. Escrito com primor, Lugares escuros não só mostra como a memória é passível de falhas, mas também evidencia as mentiras que uma criança pode contar a si mesma para superar um trauma.



 Acho que eu só preciso dizer uma coisa para demonstrar meus sentimentos por esse livro, por essa história: Gillian Flynn. Meu coração já tinha sido conquistado em Garota Exemplar e Objetos Cortantes, mas Lugares Escuros levou meu amor por essa mulher ao limite hahaha

“Os Day eram um clã que poderia viver à beça
Mas Bem Day perdeu a cabeça
O poder de Satanás o garoto queria
E matou a família em meio a uma gritaria

Da pequena Michelle torceu o pescocinho
Depois de Debby fez picadinho
A mãe, Patty, guardou para o final
E, sem piedade, em sua cabeça deu um tiro fatal

A bebê Libby conseguiu viva permanecer
Mas passar por aquilo de modo algum é viver”

Libby Day é a única sobrevivente do massacre que aconteceu na sua antiga fazenda. Hoje com 31 anos, vive sozinha, desempregada e vivendo de uma quantia de dinheiro que recebeu na época dos assassinatos para que a pequena Day tivesse uma forma de viver bem depois de tudo que aconteceu. E depois de todos esses anos, ela tem apenas duas certezas na vida: Existe alguma coisa ruim no sangue da família Day e, sim, foi seu irmão, Ben Day, que matou toda a sua família.

Porém com o dinheiro acabando e sem vontade de trabalhar, Libby se vê encurralada por Lyle, um adolescente que tem como hobby investigar grandes massacres famosos. A única coisa que ele quer, é que ela apareça em seu clube, onde pessoas como ele, discutem possíveis assassinos e qual seria a motivação para cada suspeito. Na verdade, ela não quer ir, pois se sente mal com isso e não sabe lidar muito bem com toda essa história que há anos tenta esquecer, mas Lyle deixa claro que ela receberá uma quantia de dinheiro pela presença dela no Kill Club.

Mas quando chega na reunião, percebe que todos acham que Ben é inocente e que ela cometeu um terrível engano dando depoimentos de que havia visto seu irmão matando sua família... Mas teria mesmo visto tudo isso? Será que ela estragou a vida de seu irmão? Não. Ela tem certeza de tudo que viu e ouviu naquela noite... Não é? Agora ela se vê no meio de uma dúvida que nunca teve em 24 anos e, além do dinheiro que vai receber do clube, ela começa a achar que talvez possa valer a pena investigar o que realmente aconteceu naquela noite.

Lugares Escuros é aquele tipo de livro que te prende e que você simplesmente não consegue largá-lo até ler a última linha dele. Li em dois dias, mas teria lido em menos se tivesse como, e amei amei amei amei amei! Intercalando capítulos do presente e da noite do assassinato, Gillian Flynn nos deixa na dúvida até o final, fiquei o livro inteiro “ah não foi ele”, “ah foi ele sim”, “não, espera, não foi”, “ai meu deus, foi ela”, “não, não foi”...

Um Thriller excepcionalmente bem escrito e inteligente, se esse é um dos seus gêneros favoritos, não pode deixar de lê-lo. Aliás, mesmo que não seja seu gênero favorito, apenas leia! Fiquei grudada nele como se minha vida dependesse dele por dois dias hahaha Agora fiquei muito curiosa para saber como via ficar o filme, se for metade do que é o livro, já vai ser muuuito bom!!!
Mari Zavisch
23 anos. Estudante de jornalismo, amante de livros e fotografia. Harlan Coben é meu amorzinho literário e me apaixono por qualquer personagem de livros ♥
0 Comentários | BLOGGER
Comentários | FACEBOOK

0 comentários:

Postar um comentário

 
© Galáxia dos desejos, VERSION: 02 - BLUE FLOREST - janeiro/2016. Todos os direitos reservados.
Criado por: Dear Maidy
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo